fbpx
sistema de engajamento

Por John Klaess

Na manufatura, novas classes de soluções estão surgindo o tempo todo.

Recentemente surgiram os sistemas de engajamento, como um método para acrescentar algo (ampliar) aos tradicionais sistemas de registro.

Neste artigo, veremos como cada um desses "sistemas" interage e por que isso é importante para as modernas operações.

O que é um sistema de registro?

Um sistema de registro é um sistema de informações que serve como ponto de referência compartilhado para uma empresa. Esses sistemas agem como um recurso autoritário, protegendo contra as inconsistências que surgem quando os dados são criados, manipulados e processados por vários indivíduos ou unidades de negócios. Na manufatura, os sistemas mais comuns de registro são os pacotes de ERP (Enterprise Resource Planning), os sistemas de execução de manufatura (Manufacturing Execution Systems, ou MES) e as ferramentas de gerenciamento de relacionamento com o cliente (Customer Relationship Management, ou CRM).

Cada um deles ajuda na consolidação de informações impactadas por muitos usuários e processos ao longo dos negócios. Eles fornecem uma única fonte de verdade para as operações.

Por definição, todos os sistemas de registro são:

  • Completos (eles são responsáveis por todos os processos e programas relevantes)
  • Precisos (eles refletem as operações como elas são e seguem as melhores práticas internas ou regulatórias)
  • Oportunos (eles representam o instantâneo [momento] mais atualizado da empresa)
  • Consistentes (eles impõem um modelo consistente de dados)

O que é um sistema de engajamento?

Os sistemas de registro são importantes para alinhar e gerenciar negócios complexos. Todavia, eles não foram projetados para a força de trabalho da linha de frente.

É aqui que entram os sistemas de engajamento. Eles são os programas e aplicativos com os quais os trabalhadores interagem em suas vidas diárias no trabalho.

Na manufatura, esses sistemas podem ser uma variedade de aplicativos de processos. Desde auditorias digitais, sistemas de materiais e inventário, qualidade digital, ou aplicativos de instruções de trabalho − todos são focados em questões operacionais concretas e projetados para os usuários finais.

Geralmente, os sistemas de engajamento são integrados com sistemas de registro, criando um vínculo contínuo entre processos do chão de fábrica e a contabilidade de back-end.

Portanto, resumindo:

  • Os sistemas de registro são armazenamentos de dados compartilhados centralizados, projetados para serem gerenciados pelas equipes de IT;
  • Os sistemas de engajamento são descentralizados, variam de acordo com as necessidades de uma determinada unidade de negócios e são construídos para a equipe da linha de frente.

Por que essa distinção é importante

A distinção é importante porque agora, nos ambientes operacionais modernos, os dois tipos de sistemas estão entrelaçados.

Cada vez mais, ambos os sistemas têm um importante papel a desempenhar.

Como melhorar os sistemas de registro na manufatura

Para as empresas, os ERPs são uma ferramenta essencial para gerenciar os negócios. Para muitas delas, os MES são essenciais. Eles são essenciais para planejar, orquestrar e analisar a produção.

Frequentemente, a liderança não deseja que esses sistemas sejam acessíveis aos usuários finais, a fim de evitar discrepâncias nos dados (pequenos erros nos dados podem ter grandes consequências).

Além disso, trabalhar com esses sistemas pode ser extremamente complicado. Nos dois casos, eles consistem de muitos módulos complexos e interligados (semelhantes à parábola de cegos e elefantes). Embora eles possam representar uma fonte de verdade para os negócios, isso não significa que os dados que eles mantêm sejam facilmente acessíveis. Ou se eles estão no formato certo para serem úteis para os usuários finais.

Portanto, na manufatura, você costuma ver organizações com um MES personalizado e de ponta, ainda tendo dados registrados à mão. Ou, fazendo análises de processos no Excel. Muitas vezes, é mais fácil recorrer a ferramentas analógicas do que usar dados armazenados em um sistema de registro.

Juntando os dois

Os sistemas de engajamento dão aos trabalhadores um controle significativamente maior sobre os processos que são importantes para eles. Por estarem diretamente conectados a esses processos, esses sistemas facilitam significativamente a coleta de dados relevantes e a geração rápida de insights.

Fundamentalmente, eles podem se integrar a um sistema de registro. Dessa forma, dados importantes do processo são passados para o sistema de registro e permanecem imediatamente acessíveis àqueles que precisam deles.

Motivos para ampliar seu sistema de registro através de um sistema de engajamento

Veja algumas razões pelas quais as empresas devem considerar melhorar seus sistemas de registro através de um sistema de engajamento.

Menos silos

Embora os sistemas de registro centralizem os dados, isso não significa que todos estejam usando as mesmas fontes de dados. Como pode ser difícil trabalhar com os sistemas de registro, os departamentos geralmente desenvolvem seus próprios meios ad hoc de coleta e análise de dados. Isso pode resultar em silos de dados, onde cada departamento está trabalhando a partir de sua própria "fonte de verdade".

Menos discrepâncias

Uma consequência dos silos são as discrepâncias. Se as equipes da linha de frente estiverem coletando os dados manualmente, naturalmente haverá variações entre os dados manuais e os dados do sistema de registro. Isso pode levar a erros e correções dispendiosas mais adiante.

Melhor experiência do usuário

Em última análise, os sistemas de engajamento são sobre o engajamento dos trabalhadores − sobre a melhoria de sua experiência. Eles foram projetados para as tarefas que eles realizam.

Menor gasto em seu sistema de registro

Muitas organizações acabam gastando enormes somas de dinheiro personalizando seus sistemas de registro ao longo do tempo. Completar seu SdR com um SdE pode ser uma maneira econômica de obter os dados e a funcionalidade de que você precisa.

Conclusões: atingindo um equilíbrio

O ponto é traçar a distinção entre um sistema de registro e um sistema de engajamento, para ajudá-lo a equilibrar uma tensão. Por um lado, é necessário ter uma visão geral dos negócios. Por outro lado, são necessárias ferramentas que ajudem os funcionários da linha de frente a trabalhar melhor.

Na manufatura, vimos isso mais recentemente no debate Plataforma IIoT x MES (A resposta? Provavelmente ambos!).

Com essa distinção, você deve ser mais capaz de avaliar o que dá maior eficiência à sua equipe.

Se você estiver interessado em saber como a Tulip, representada com exclusividade no Brasil pela Konitech, pode ampliar seus sistemas de registro, entre em contato conosco hoje mesmo.

Fonte: Tulip

E-BOOK

Augmented Worker

Potencializando as Pessoas na Indústria 4.0

Este guia apresentará o aprimoramento da manufatura – as novas tecnologias, seus casos de uso e seus princípios. Definiremos o que significa extensão no contexto da manufatura, explicaremos por que a manufatura precisa ser aprimorada agora e avaliaremos as diferentes tecnologias e aplicações que estão ampliando a atividade dos trabalhadores no chão de fábrica, no cenário atual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *